Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Castigo Máximo

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

Castigo Máximo

25
Set19

Uma nova visão, um novo plano


Pedro Azevedo

Mais uma vez começa o desfile de treinadores na imprensa. No Sporting não se aprende com os erros, pelo contrário eles são repetidos num ciclo vicioso. Mais do que um treinador, o Sporting precisa de alguém que se sobreponha à famosa Estrutura e que possa agir transversalmente a todo o futebol do clube, incluindo a Formação e o futebol profissional dentro de uma mesma visão e estando em plano hierarquicamente superior a scouting e gestão de activos. 

 

No fundo, o Sporting precisa de um plano. De um novo plano, com novas pessoas. Um plano estruturante que vise o melhor aproveitamento dos escassos recursos do clube, potenciando a sua Formação e evitando os constantes desperdícios em contratações que não acrescentam valor. Um plano que previna os equívocos na montagem de um plantel, que dê sentido às coisas. 

 

Mais do que um treinador, o Sporting precisa de um pensador de todo o futebol do clube. Alguém que defina uma linha de futebol positivo que leve as pessoas ao estádio e capaz de esboçar um modelo e princípios de jogo adequados a esse propósito. Deve ser também um artífice, com capacidade para ir cosendo as pontas entre futebol profissional e Formação, implementando transversalmente uma visão.

 

Por tudo isto, o que eu defendo é que, mais do que um treinador, o Sporting necessita de um Director Técnico, alguém que só dependa hierarquicamente do presidente (mas que tenha autonomia) e que tenha capacidade para imaginar e desenvolver todo um conceito de futebol do clube, liberdade para definir um perfil de treinador que encaixe nesse conceito e que seja capaz de complementar o ensino de toda uma nova geração de treinadores "made in" Alcochete que um dia mais tarde emergirá na equipa principal. Às vezes as crises são oportunidades, não podemos é virar-lhes as costas. 

 

As pessoas gostam sempre de nomes. Para mim, mais importante que os nomes é o racional por trás de uma escolha. Ainda assim não vou fugir à questão. Perante o que enumerei, tendo em conta as características que enunciei, sabendo-se que Boloni ou Luis Castro estão a contrato, a minha escolha natural seria o professor Jesualdo Ferreira. Nele confiaria como arquitecto do projecto - e não como treinador, pese embora erroneamente ainda lhe seja apontado o estigma de 2012/13, ele que chegou com a equipa em 12º lugar (é bom não esquecer) - , sendo definido à partida que em nenhuma circunstância poderia interromper o seu trabalho para assumir funções de liderança no terreno da equipa principal de futebol do clube. 

26 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Castigo Máximo

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

Siga-nos no Facebook

Castigo Máximo

Comentários recentes

  • Pedro Azevedo

    Boa tarde, meu caro.Em primeiro lugar, queira desc...

  • Pedro Azevedo

    Caro Sebastião, antes de mais as minhas desculpas ...

  • Pedro Azevedo

    Caro AJSSB, em primeiro lugar, queira aceitar as m...

  • Metralha

    Caro Pedro Azevedo, Parabéns ao nosso grande Sport...

  • Anónimo

    Não sei se me expressei correctamente no meu comen...