Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Castigo Máximo

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

Castigo Máximo

30
Out20

Diego Armando faz 60 anos


Pedro Azevedo

O cidadão Diego Armando cumpre hoje 60 anos de idade. Já o seu alter ego, Maradona, não tem idade, é um mito. Se a Champions tem o majestoso Zadok the Priest, de Handel (em versão Tony Britten), para a história dos mundiais ficará sempre aquela maravilhosa jogada de uns quartos de final em que El Pibe fez do relvado do Estádio Azteca um campo de peladinha enquanto, como se não fosse nada com ele, ia driblando metade da selecção inglesa ao som da narração emocionada do uruguaio Victor Hugo Morales ("de que planeta vieste?). Poesia em movimento, um hino ao futebol!

 

Nesse dia, Maradona foi o génio da lâmpada que concedeu três desejos a Diego Armando: humilhar os ingleses, roubá-los indecentemente e qualificar a Argentina para as meias finais do Mundial de 86. Quatro anos após um conflito militar contra as tropas de Sua Majestade (Malvinas) que custou a vida a mais de seis centenas de argentinos, Diego foi nessa tarde o herói do povo, o Robin Hood dos argentinos, protagonizando "La Revancha del Tango". Já para os ingleses ele foi um provocador, um batoteiro, uma fraude, antítese que expressa na perfeição a heterogeneidade do seu ser. "Golo do Século" e "Mão de Deus" no mesmo jogo, uma dualidade sempre presente na vida de Diego. Como quando afrontou o poder da FIFA e expôs a corrupção que minava o organismo, ou no momento em que o seu vício finalmente abateu o Maradona que havia em si.

 

Suspeito porém que a história absolverá o homem e incensará o ídolo de multidões. Semanalmente, grupos de fiéis continuarão a comungar de cada cerimónia litúrgica realizada num campo de futebol, invocando os seus ídolos e defendendo a sua crença, porque o futebol é uma religião pagã com diversos profetas. Porém, lá longe, no seu Olimpo, haverá só um deus: Maradona, a.k.a. "d10s". Que outro daria a um pequeno clube do sul de Itália dois títulos de campeão contra os ricos do norte? Feliz Cumpleaños, Diego!

GOLO DO SÉCULO

(MARADÓ, MARADÓ)

(Manu Chao: LA VIDA ES UNA TOMBOLA)

(MARADONA vestido à SPORTING)

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Castigo Máximo

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

Siga-nos no Facebook

Castigo Máximo

Comentários recentes

  • Pedro Azevedo

    O rugby, não deixando de ser iminentemente físico,...

  • Luis Antonio S Ferro

    Bela modalidade onde, pelo menos até agora, se pod...

  • Pedro Azevedo

    Sim, o trabalho de subida era até provavelmente ma...

  • Pedro Azevedo

    Caro Miguel, esse é o poema de uma vida. Do livro ...

  • Anónimo

    Bom dia Pedro:Cântico NegroVem por aqui" — dizem-m...