Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Castigo Máximo

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

Castigo Máximo

29
Nov21

O treinador mais impactante do milénio (resultado)


Pedro Azevedo

Terminada a votação dos Leitores de Castigo Máximo para apuramento de "O treinador mais impactante do milénio", os resultados foram:

 

1º José Mourinho (155 pontos)

 

2º Rúben Amorim (126 pontos)

 

3º Jorge Jesus (58 pontos)

 

4º André Villas-Boas (52 pontos)

 

5º Jaime Pacheco (48 pontos)

 

6º Bruno Lage (40 pontos)

 

José Mourinho é assim o vencedor deste inquérito, com Rúben Amorim a conseguir um auspicioso segundo lugar, ele que está ainda na primavera da sua carreira como treinador. De realçar que ambos terminaram a votação destacadíssimos dos restantes.

josé mourinho.jpg

rúben amorim.jpg

26
Nov21

O treinador mais impactante do milénio


Pedro Azevedo

Hoje pergunto aos Leitores de Castigo Máximo o seguinte: quem foi, na Vossa opinião, o treinador mais impactante em Portugal neste milénio? A resposta deve levar em linha de conta as circunstâncias em que cada treinador pegou na sua respectiva equipa e as próprias idiossincrasias de cada clube, para lá da dimensão do êxito em si, obviamente. (Pedindo desde já para cada Leitor cadastrar o seu voto nos 6 treinadores por ordem decrescente, a pontuação será de 10 para o primeiro classificado, 6 para o segundo, 4 para o terceiro, 3 para o quarto, 2 para o quinto e 1 para o sexto - Segunda Feira será anunciado o vencedor.)

 

Os 6 treinadores sujeitos a votação são estes (por ordem cronológica dos seus êxitos):

 

1) Jaime Pacheco (único campeonato nacional da história do Boavista)

 

2) José Mourinho (campeão europeu e vencedor da Liga Europa pelo FC Porto)

 

3) Jorge Jesus (3 campeonatos pelo Benfica)

 

4) André Villas-Boas (vencedor da Liga Europa no FC Porto)

 

5) Bruno Lage (venceu um campeonato dado como perdido apenas cedendo 1 empate)

 

6) Rúben Amorim (herdou uma situação económico/financeira e desportiva trágica e em pouco mais de ano e meio de trabalho levou o Sporting ao tão ansiado título de campeão nacional e à qualificação para a fase a eliminar da Champions)

 

Aguardo a Vossa participação massiva!

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Posts mais comentados

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Castigo Máximo

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

Siga-nos no Facebook

Castigo Máximo

Comentários recentes

  • leonino

    esses nomes são uma especie de caricaturas , em pa...

  • Pedro Manso

    Pior que marcarem aquele penalty ( o tal Pinheiro ...

  • Pedro Azevedo

    “Gago mental” e “anão” são termos a que não me ref...

  • leonino

    Acho que não há problema nenhum na arbitragem , co...

  • Pedro Azevedo

    Tinha esperanças fundadas no Vinagre dado o que lh...