Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Castigo Máximo

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

Castigo Máximo

17
Fev21

Ranking GAP


Pedro Azevedo

Nesta temporada de 2020/2021, o Sporting disputou até agora 27 jogos - 19 para o Campeonato Nacional, 2 para a Liga Europa, 3 para a Taça de Portugal e 3 para a Taça da Liga -, obtendo 22 vitórias (81,5%), 3 empates (11,1%) e 2 derrotas (7,4%), com 57 golos marcados (média de 2,11 golos/jogo) e 18 golos sofridos (0,67 golos/jogo).

 

Individualmente, Rúben Amorim subiu mais uma posição no Top 5 da exclusiva lista de treinadores do Sporting com maior percentagem de vitórias. Numa altura em que já realizou 38 jogos pelo clube em diversas competições, Rúben apresenta um registo de 73,7% de vitórias (28 em 38) em todos os jogos, superando homens como o húngaro József Szabó e o tri-campeão Randolph Galloway. O líder continua a ser o também inglês Robert Kelly (79,2%), seguido por Cândido de Oliveira (75,3%), por Amorim, pelo húngaro Alexander Peics (73, 1%) e József Szabó (72, 2%).

 

A nível individual, eis os resultados (estatísticas de golo):

 

1) Ranking GAP (medalheiro): Pedro Gonçalves (14,3,5), N. Santos (6,9,0), Jovane (6,2,1);

2) MVP: Pedro Gonçalves (53 pontos), Nuno Santos (36), Jovane e Porro (23); 

3) Influência: Pedro Gonçalves (22 contribuições), N. Santos (15), Porro (12);

4) Goleador: Pedro Gonçalves (14 golos), Jovane e N. Santos (6);

5) Assistências: Nuno Santos (9), Pote, Porro e Feddal (3).

 

Fazendo uma análise por sectores em termos de pontos MVP (golo=3; assistência=2; participação=1), teremos:

 

Pontas de Lança (total=55)TT (22), Sporar (20), Vietto (7), Pedro Marques (6)

(nota: TT também jogou como interior)

tt1.jpg

Interiores (total=123)Pote (53), Nuno Santos (36), Jovane (23), Tabata (12)

(nota: Jovane também jogou como ponta de lança)

pote3.jpeg

Médios Centro (total=29)Matheus Nunes e João Mário (10), Palhinha (6) e Bragança (3)

matheus nunes benfica.jpg

Laterais/Alas (total=39)Porro (23), Nuno Mendes (10), Plata (4), Antunes (2)

Pedro-Porro.jpg

Centrais (total=32)Coates (17), Feddal (8) e Gonçalo Inácio (7)

Coates.jpg

Guarda-redes (total=2): Adán (2)

adan1.jpg

Conclusões:

  • A posição de Interior contribui em acções de golo mais do dobro da posição de Ponta de Lança; A posição de Médio Centro tem menos preponderância nos nossos golos que a de Lateral/Ala e de Central, o que pode indicar que RA vê-os mais como um factor de equilíbrio defensivo, sendo os desequilíbrios ofensivos mormente produto da circulação em "U";
  • Porro tem números ofensivos superiores a qualquer ponta de lança;
  • Ordem de importância no golo: Interiores, Ponta de Lança, Laterais/Alas, Centrais, Médios Centro, Guarda-redes;
  • Um total de 20 jogadores já contribuiu para os golos leoninos. Dos utilizados, apenas Max, Neto, Quaresma, Borja, João Pereira, Paulinho e Matheus Reis ainda não tiveram preponderância nos golos marcados. 

 

Ranking GAP (Golos, Assistências, Participação decisiva em golo):

ranking gap 17022021.png

12
Fev21

Distribuição dos nossos golos


Pedro Azevedo

frequencia de golo.png

suplentes golos.png

Conclusão: no que ao golo diz respeito, o Sporting arranca mais forte na primeira do que na segunda parte e acaba muito bem qualquer uma das partes, especialmente a segunda (o intervalo entre os 76 e os 90 minutos é de longe o mais relevante). Isto pode dar a pista de que a equipa se encontra muito bem física e mentalmente. Desses 16 golos marcados no último sexto dos jogos, 9 foram decisivos porque nos garantiram pontos, 13 mais exactamente (1 ponto contra o Porto, 2 pontos contra o Santa Clara, 3 pontos contra o Gil em casa, 2 pontos contra o Farense, 2 pontos contra o Benfica e 3 pontos contra o Gil fora). Há ainda a acrescentar os dois golos tardios de Jovane ao Porto, para a Taça da Liga, que transformaram uma derrota pré-anunciada numa vitória final que nos abriu as portas para ganhar a competição. 

 

No que concerne a golos provenientes do banco, os números são razoáveis. Mais importante, 1 valeu um empate (Vietto contra o Porto), 2 permitaram a reviravolta contra o Gil em Alvalade (Sporar e TT, houve ainda um outro golo), 1 outro deu uma vitória pela margem mínima (Sporar contra Farense) e 2 (de Jovane) evitaram a eliminação e oferecerem-nos até o triunfo no jogo contra o Porto da semi-final da Taça da Liga. Assim, pode dizer-se que 6 golos vindos do banco (metade do total) renderam-nos 5 pontos para o campeonato e foram fundamentais para a conquista da Taça da Liga.

12
Fev21

Ranking GAP


Pedro Azevedo

Nesta temporada de 2020/2021, o Sporting disputou até agora 26 jogos - 18 para o Campeonato Nacional, 2 para a Liga Europa, 3 para a Taça de Portugal e 3 para a Taça da Liga -, obtendo 21 vitórias (80,8%), 3 empates (11,5%) e 2 derrotas (7,7%), com 55 golos marcados (média de 2,12 golos/jogo) e 18 golos sofridos (0,69 golos/jogo).

 

Individualmente, Rúben Amorim está agora isolado no 4º lugar no Top 5 da exclusiva lista de treinadores do Sporting com maior percentagem de vitórias. Numa altura em que já realizou 37 jogos pelo clube em diversas competições, Rúben apresenta um registo de 73,0% de vitórias (27 em 37) em todos os jogos, superando o homem que apurou o instinto goleador de Peyroteo (o húngaro József Szabó) e o tri-campeão Randolph Galloway. O líder continua a ser o também inglês Robert Kelly (79,2%), seguido por Cândido de Oliveira (75,3%), pelo húngaro Alexander Peics (73, 1%), Amorim e József Szabó (72, 2%).

 

A nível individual, eis os resultados (estatísticas de golo):

 

1) Ranking GAP (medalheiro): Pedro Gonçalves (14,3,4), N. Santos (6,9,0), Jovane (6,2,1);

2) MVP: Pedro Gonçalves (52 pontos), Nuno Santos (36), Jovane e Porro (23); 

3) Influência: Pedro Gonçalves (21 contribuições), N. Santos (15), Porro (12);

4) Goleador: Pedro Gonçalves (14 golos), Jovane e N. Santos (6);

5) Assistências: Nuno Santos (9), Pote e Porro (3).

 

Fazendo uma análise por sectores em termos de pontos MVP (golo=3; assistência=2; participação=1), teremos:

 

Pontas de Lança (total=55)TT (22), Sporar (20), Vietto (7), Pedro Marques (6)

(nota: TT também jogou como interior)

tt1.jpg

Interiores (total=123)Pote (52), Nuno Santos (36), Jovane (23), Tabata (12)

(nota: Jovane também jogou como ponta de lança)

pote3.jpeg

Médios Centro (total=23)Matheus Nunes (10), João Mário (7), Palhinha e Bragança (3)

matheus nunes benfica.jpg

Laterais/Alas (total=39)Porro (23), Nuno Mendes (10), Plata (4), Antunes (2)

Pedro-Porro.jpg

Centrais (total=29)Coates (17), Gonçalo Inácio (7), Feddal (5)

Coates.jpg

Guarda-redes (total=2): Adán (2)

adan1.jpg

Conclusões:

  • A posição de Interior contribui em acções de golo mais do dobro da posição de Ponta de Lança; A posição de Médio Centro tem menos preponderância nos nossos golos que a de Lateral/Ala e de Central, o que pode indicar que RA vê-os mais como um factor de equilíbrio defensivo, sendo os desequilíbrios ofensivos mormente produto da circulação em "U";
  • Porro tem números ofensivos superiores a qualquer ponta de lança;
  • Ordem de importância no golo: Interiores, Ponta de Lança, Laterais/Alas, Centrais, Médios Centro, Guarda-redes;
  • Um total de 20 jogadores já contribuiu para os golos leoninos. Dos utilizados, apenas Max, Neto, Quaresma, Borja, João Pereira, Paulinho e Matheus Reis ainda não tiveram preponderância nos golos marcados. 

 

Ranking GAP (Golos, Assistências, Participação decisiva em golo):

ranking gap 12022021.png

09
Fev21

Estatísticas da Liga 2020/21 (Fim da 1ª volta)


Pedro Azevedo

O Sporting lidera no final da primeira volta com 6 pontos de avanço sobre o 2º colocado no campeonato. É também a equipa que menos golos sofre (9). Mantém o melhor marcador da competição (Pote). 

 

  1. Melhor rácio de CA p/ falta cometida: Paços - 11,3% (16º Sporting - 17,3%).
  2. Pior Rácio de CA p/ falta cometida: Famalicão - 19,9%. 
  3. Menos Faltas com. por jogo: Rio Ave - 13,6 Faltas (6º Sporting - 16,0 Faltas).
  4. Mais Faltas com. por jogo: Portimonense - 18,8 Faltas.
  5. Menos CA por jogo: Porto - 1,9 (16º Sporting - 2,8).
  6. Mais CA por jogo: Famalicão - 3,2.
  7. Menos Golos Sofridos: Sporting - 9 golos. 
  8. Mais Golos Sofridos: Fmalicão e Tondela - 30 golos.
  9. Mais Golos Marcados: Porto - 39 golos (2º Sporting - 36). 
  10. Menos Golos marcados: B SAD - 8 golos.
  11. Menos Posse de bola: B SAD - 42,7%.
  12. Mais Posse de bola: Benfica - 59,5% (3º Sporting - 57,2%).
  13. O Sporting cometeu 272 faltas que se traduziram em 47 amarelos (rácio de 17,3%).
  14. Tiago Tomás é o leão com mais faltas sofridas (37, 5º na Liga).   
  15. Pote (aproveitamento de 33,3%) é o mais rematador do Sporting (42 remates).
  16. Pote é o Goleador da Primeira Liga (14 golos).
  17. Maior sequência vitórias consecutivas: Braga e Paços (6).
  18. Há uma correlação entre a menor posse de bola da Liga (42,7%) e a classificação (18º) do Farense.
  19. No sentido inverso, o Paços tem o 2º pior registo de Posse de Bola mas está em 5º lugar na Liga.
  20. O Paços é a 2ª equipa que comete mais faltas (311), mas tem o 3º melhor registo de CA, eficiência que se pode explicar por a equipa raramente ser apanhada desequilibrada em transição (baixa posse de bola) e/ou por fazer as faltas aquando da pressão alta (uma pista: tanque é o 2º jogador mais faltoso da Liga e, simultaneamente, o que sofre mais faltas).
  21. O Sporting tem as mesmas faltas cometidas que o Porto e mais 14 cartões amarelos
  22. O Sporting tem menos 8 faltas cometidas que o Braga e mais 13 amarelos.
  23. Darwin (Benfica) lidera nas assistências (7), seguido por Quaresma (Vitória SC) e Angel Gomes (Boavista) com 5. .
  24. Quaresma (Vitória SC) lidera nos cruzamentos (80). Porro (9º, 52) é o melhor do Sporting.

ESTATÍSTICAS 17.png

Nota: Vitória e Farense têm 1 jogo em atraso.

 

05
Fev21

Ranking GAP


Pedro Azevedo

Nesta temporada de 2020/2021, o Sporting disputou até agora 24 jogos - 16 para o Campeonato Nacional, 2 para a Liga Europa, 3 para a Taça de Portugal e 3 para a Taça da Liga -, obtendo 19 vitórias (79,2%), 3 empates (12,5%) e 2 derrotas (8,3%), com 51 golos marcados (média de 2,13 golos/jogo) e 17 golos sofridos (0,71 golos/jogo).

 

 

Individualmente, Rúben Amorim continua no Top 5 da exclusiva lista de treinadores do Sporting com maior percentagem de vitórias. Numa altura em que já realizou 35 jogos pelo clube em diversas competições, Rúben apresenta um registo de 71,4% de vitórias (25 em 35) em todos os jogos, permacendo em 5º lugar nessa lista. O líder continua a ser o também inglês Robert Kelly (79,2%), seguido por Cândido de Oliveira (75,3%), pelos húngaros Alexander Peics (73, 1%) e József Szabó (72, 2%) e por Amorim.

 

A nível individual, eis os resultados (estatísticas ofensivas):

 

1) Ranking GAP (medalheiro): Pedro Gonçalves (12,3,3), N. Santos (6,9,0), Jovane (6,2,1);

2) MVP: Pedro Gonçalves (45 pontos), Nuno Santos (36), Jovane (23); 

3) Influência: Pedro Gonçalves (18 contribuições), N. Santos (15), Sporar (11);

4) Goleador: Pedro Gonçalves (12 golos), Jovane e N. Santos (6);

5) Assistências: Nuno Santos (9), Pote (3), Tabata, Porro, Vietto, Feddal, M. Nunes, J. Mário, Jovane, TT, Plata e Nuno Mendes (2).

 

Fazendo uma análise por sectores em termos de pontos MVP (golo=3; assistência=2; participação=1), teremos:

 

Pontas de Lança (total=55): TT (22), Sporar (20), Vietto (7), Pedro Marques (6)

(nota: TT também jogou como interior)

 

Interiores (total=116): Pote (45), Nuno Santos (36), Jovane (23), Tabata (12)

(nota: Jovane também jogou como ponta de lança)

 

Médios Centro (total=23): Matheus Nunes (10), João Mário (7), Palhinha e Bragança (3)

 

Laterais/Alas (total=34): Porro (20), Nuno Mendes (10), Plata (4)

 

Centrais (total=21): Coates (11), Feddal e Gonçalo Inácio (5)

 

Guarda-redes (total=2): Adán (2)

 

Conclusões:

  • A posição de Interior contribui em acções de golo mais do dobro da posição de Ponta de Lança;
    • A posição de Médio Centro tem menos preponderância nos nossos golos que a de Lateral/ala e praticamente a mesma que a Central, o que pode indicar que RA vê-os mais como um factor de equilíbrio defensivo, sendo os desequilíbrios ofensivos mormente produto da circulação em "U";
  • Porro tem números ofensivos muito próximos dos pontas de lança TT e Sporar;
  • Ordem de importância no golo: Interiores, Ponta de Lança, Laterais/alas, Médios Centro, Centrais, Guarda-redes;
  • Um total de 19 jogadores já contribuiu para os golos leoninos. Dos utilizados, Max, Neto, Quaresma, Borja e Antunes ainda não tiveram preponderância nos golos marcados. 

 

 

Ranking GAP (Golos, Assistências, Participação decisiva em golo):

ranking gap 050221.png

31
Jan21

Ranking GAP


Pedro Azevedo

Nesta temporada de 2020/2021, o Sporting disputou até agora 23 jogos - 15 para o Campeonato Nacional, 2 para a Liga Europa, 3 para a Taça de Portugal e 3 para a Taça da Liga -, obtendo 18 vitórias (78,3%), 3 empates (13,0%) e 2 derrotas (8,7%), com 50 golos marcados (média de 2,17 golos/jogo) e 17 golos sofridos (0,74 golos/jogo).

 

 

Individualmente, Rúben Amorim entrou directamente para o Top 5 da exclusiva lista de treinadores do Sporting com maior percentagem de vitórias. Numa altura em que acabou de completar 34 jogos pelo clube em diversas competições, o equivalente a um campeonato nacional, Rúben destronou o histórico Randolph Galloway (três títulos consecutivos de campeão) com um registo de 70,6% de vitórias (24 em 34) em todos os jogos (o inglês deixou uma marca de 70,5% de triunfos), passando a figurar em 5º lugar nessa lista. O líder continua a ser o também inglês Robert Kelly (79,2%), seguido por Cândido de Oliveira (75,3%), pelos húngaros Alexander Peics (73, 1%) e József Szabó (72, 2%) e agora também por Amorim.

 

A nível individual, eis os resultados (estatísticas ofensivas):

 

1) Ranking GAP (medalheiro): Pedro Gonçalves (12,3,3), N. Santos (6,9,0), Jovane (6,2,0);

2) MVP: Pedro Gonçalves (45 pontos), Nuno Santos (36), Jovane e TT (22); 

3) Influência: Pedro Gonçalves (18 contribuições), N. Santos (15), Sporar (11);

4) Goleador: Pedro Gonçalves (12 golos), Jovane e N. Santos (6);

5) Assistências: Nuno Santos (9), Pote (3), Tabata, Porro, Vietto, Feddal, M. Nunes, J. Mário, Jovane, TT, Plata e Nuno Mendes (2).

 

Fazendo uma análise por sectores em termos de pontos MVP (golo=3; assistência=2; participação=1), teremos:

 

Pontas de Lança (total=55): TT (22), Sporar (20), Vietto (7), Pedro Marques (6)

(nota: TT também jogou como interior)

 

Interiores (total=115): Pote (45), Nuno Santos (36), Jovane (22), Tabata (12)

(nota: Jovane também jogou como ponta de lança)

 

Médios Centro (total=20): João Mário e Matheus Nunes (7), Palhinha e Bragança (3)

 

Laterais/Alas (total=33): Porro (19), Nuno Mendes (10), Plata (4)

 

Centrais (total=21): Coates (11), Feddal e Gonçalo Inácio (5)

 

Guarda-redes (total=2): Adán (2)

 

Conclusões:

  • A posição de Interior contribui em acções de golo mais do dobro da posição de Ponta de Lança;
  • A posição de Médio Centro tem menos preponderância nos nossos golos que todas as outras (excepto a de guarda-redes), o que pode indicar que RA vê-os mais como um factor de equilíbrio defensivo, sendo os desequilíbrios ofensivos mormente produto da circulação em "U";
  • Porro tem números ofensivos muito próximos dos pontas de lança TT e Sporar;
  • Ordem de importância no golo: Interiores, Ponta de Lança, Laterais/alas, Centrais, Médios Centro, Guarda-redes;
  • Um total de 19 jogadores já contribuiu para os golos leoninos. Dos utilizados, Max, Neto, Quaresma, Borja e Antunes ainda não tiveram preponderância nos golos marcados. 

 

 

Ranking GAP (Golos, Assistências, Participação decisiva em golo):

ranking gap 310121.png

26
Jan21

Ranking GAP


Pedro Azevedo

Nesta temporada de 2020/2021, o Sporting disputou até agora 22 jogos - 14 para o Campeonato Nacional, 2 para a Liga Europa, 3 para a Taça de Portugal e 3 para a Taça da Liga -, obtendo 17 vitórias (77,3%), 3 empates (13,6%) e 2 derrotas (9,1%), com 48 golos marcados (média de 2,18 golos/jogo) e 17 golos sofridos (0,77 golos/jogo).

 

A nível individual, eis os resultados (estatísticas ofensivas):

 

1) Ranking GAP (medalheiro): Pedro Gonçalves (12,3,3), Jovane (6,2,0), N. Santos (5,9,0);

2) MVP: Pedro Gonçalves (45 pontos), Nuno Santos (33), Jovane e TT (22); 

3) Influência: Pedro Gonçalves (18 contribuições), N. Santos (14), Sporar (11);

4) Goleador: Pedro Gonçalves (12 golos), Jovane (6), TT e Nuno Santos (5);

5) Assistências: Nuno Santos (9), Pote (3), Tabata, Porro, Vietto, Feddal, M. Nunes, J. Mário, Jovane, TT e Plata (2).

 

Fazendo uma análise por sectores em termos de pontos MVP (golo=3; assistência=2; participação=1), teremos:

 

Pontas de Lança (total=55): TT (22), Sporar (20), Vietto (7), Pedro Marques (6)

(nota: TT também jogou como interior)

 

Interiores (total=112): Pote (45), Nuno Santos (33), Jovane (22), Tabata (12)

(nota: Jovane também jogou como ponta de lança)

 

Médios Centro (total=20): João Mário e Matheus Nunes (7), Palhinha e Bragança (3)

 

Laterais/Alas (total=28): Porro (16), Nuno Mendes (8), Plata (4)

 

Centrais (total=21): Coates (11), Feddal e Gonçalo Inácio (5)

 

Guarda-redes (total=2): Adán (2)

 

Conclusões:

  • A posição de Interior contribui em acções de golo mais do dobro da posição de Ponta de Lança;
  • A posição de Médio Centro tem menos preponderância nos nossos golos que todas as outras (excepto a de guarda-redes), o que pode indicar que RA vê-os mais como um factor de equilíbrio defensivo, sendo os desequilíbrios ofensivos mormente produto da circulação em "U";
  • Ordem de importância no golo: Interiores, Ponta de Lança, Laterais/alas, Centrais, Médios Centro, Guarda-redes;
  • Um total de 19 jogadores já contribuiu para os golos leoninos. Dos utilizados, Max, Neto, Quaresma, Borja e Antunes ainda não tiveram preponderância nos golos marcados. 

 

 

Ranking GAP (Golos, Assistências, Participação decisiva em golo):

ranking gap 260121.png

21
Jan21

Ao minuto


Pedro Azevedo

Golos por minuto de utilização.png

 

Legenda: 1º Quadro: minutos necessários para fazer 1 golo; 2º Quadro: minutos necessários para ter influência (golo, assistência, participação importante) em 1 golo; 3º Quadro: minutos necessários para ADG (acção directa para golo=golo ou assistência). 

PS: A estatística junta todos os avançados: pontas de lança e interiores. Os indicadores respeitantes a Pedro Marques não podem ser considerados estatisticamente relevantes dado a amostra possuir um número demasiado reduzido de observações (na realidade, apenas uma). 

19
Jan21

Ranking GAP


Pedro Azevedo

Nesta temporada de 2020/2021, o Sporting disputou até agora 20 jogos - 14 para o Campeonato Nacional, 2 para a Liga Europa, 3 para a Taça de Portugal e 1 para a Taça da Liga -, obtendo 15 vitórias (75%), 3 empates (15%) e 2 derrotas (10%), com 45 golos marcados (média de 2,25 golos/jogo) e 16 golos sofridos (0,8 golos/jogo).

 

A nível individual, eis os resultados (estatísticas ofensivas):

 

1) Ranking GAP (medalheiro): Pedro Gonçalves (12,2,3), N. Santos (5,9,0), TT (5,2,2);

2) MVP: Pedro Gonçalves (43 pontos), Nuno Santos (33), TT (21); 

3) Influência: Pedro Gonçalves (17 contribuições), N. Santos (14), Sporar (11);

4) Goleador: Pedro Gonçalves (12 golos), TT e Nuno Santos (5);

5) Assistências: Nuno Santos (9), Tabata, Porro, Vietto, Feddal, M. Nunes, J. Mário, Jovane, Pote, TT e Plata (2).

 

Fazendo uma análise por sectores em termos de pontos MVP (golo=3; assistência=2; participação=1), teremos:

 

Pontas de Lança (total=54): TT (21), Sporar (20), Vietto (7), Pedro Marques (6)

(nota: TT também jogou como interior)

 

Interiores (total=104): Pote (43), Nuno Santos (33), Jovane (16), Tabata (12)

(nota: Jovane também jogou como ponta de lança)

 

Médios Centro (total=20): João Mário e Matheus Nunes (7), Palhinha e Bragança (3)

 

Laterais/Alas (total=25): Porro (13), Nuno Mendes (8), Plata (4)

 

Centrais (total=18): Coates (10), Feddal (5), Gonçalo Inácio (3)

 

Guarda-redes (total=2): Adán (2)

 

Conclusões:

  • A posição de Interior contribui em acções de golo praticamente o dobro da posição de Ponta de Lança;
  • Os nossos Médios Centro têm menos preponderância nos golos que os Laterais/Alas e pouco mais que os Defesas Centrais, o que pode indicar que RA vê-os mais como um factor de equilíbrio defensivo, sendo os desequilíbrios ofensivos mormente produto da circulação em "U";
  • Ordem de importância no golo: Interiores, Ponta de Lança, Laterais/alas, Médios Centro, Centrais, Guarda-redes;
  • Um total de 19 jogadores já contribuiu para os golos leoninos. Dos utilizados, Max, Neto, Quaresma, Borja e Antunes ainda não tiveram preponderância nos golos marcados. 

 

 

Ranking GAP (Golos, Assistências, Participação decisiva em golo):

ranking gap 180121.png

10
Jan21

Golo, influência e acções directas ao minuto


Pedro Azevedo

Golos por minuto de utilização.png

Legenda: 1º Quadro: minutos necessários para fazer 1 golo; 2º Quadro: minutos necessários para ter influência (golo, assistência, participação importante) em 1 golo; 3º Quadro: minutos necessários para ADG (acção directa para golo=golo ou assistência). 

 

Descontando os números de Pedro Marques (impressionantes, mas de amostra muito curta para ser conclusiva), há algum indicador que surpreenda o caro Leitor?

10
Jan21

Ranking GAP


Pedro Azevedo

Nesta temporada de 2020/2021, o Sporting disputou até agora 18 jogos - 13 para o Campeonato Nacional, 2 para a Liga Europa, 2 para a Taça de Portugal e 1 para a Taça da Liga -, obtendo 15 vitórias (83,3%), 2 empates (11,1%) e 1 derrota (5,6%), com 44 golos marcados (média de 2,44 golos/jogo) e 13 golos sofridos (0,72 golos/jogo).

 

A nível individual, eis os resultados (estatísticas ofensivas):

 

1) Ranking GAP (medalheiro): Pedro Gonçalves (11,2,3), N. Santos (5,9,0), TT (5,2,2);

2) MVP: Pedro Gonçalves (40 pontos), Nuno Santos (33), TT (21); 

3) Influência: Pedro Gonçalves (16 contribuições), N. Santos (14), Sporar (11);

4) Goleador: Pedro Gonçalves (11 golos), TT e Nuno Santos (5);

5) Assistências: Nuno Santos (9), Tabata, Porro, Vietto, Feddal, M. Nunes, J. Mário, Jovane, Pote e TT (2).

 

Fazendo uma análise por sectores em termos de pontos MVP (golo=3; assistência=2; participação=1), teremos:

 

Pontas de Lança (total=54): TT (21), Sporar (20), Vietto (7), Pedro Marques (6)

(nota: TT também jogou como interior)

 

Interiores (total=101): Pote (40), Nuno Santos (33), Jovane (16), Tabata (12)

(nota: Jovane também jogou como ponta de lança)

 

Médios Centro (total=20): João Mário e Matheus Nunes (7), Palhinha e Bragança (3)

 

Laterais/Alas (total=22): Porro (12), Nuno Mendes (8), Plata (2)

 

Centrais (total=18): Coates (10), Feddal (5), Gonçalo Inácio (3)

 

Guarda-redes (total=2): Adán (2)

 

Conclusões:

  • A posição de Interior contribui em acções de golo praticamente o dobro da posição de Ponta de Lança;
  • Os nossos Médios Centro têm menos preponderância nos golos que os Laterais/Alas e pouco mais que os Defesas Centrais, o que pode indicar que RA vê-os mais como um factor de equilíbrio defensivo, sendo os desequilíbrios ofensivos mormente produto da circulação em "U";
  • Ordem de importância no golo: Interiores, Ponta de Lança, Laterais/alas, Médios Centro, Centrais, Guarda-redes;
  • Um total de 19 jogadores já contribuiu para os golos leoninos. Dos utilizados, Max, Neto, Quaresma, Borja e Antunes ainda não tiveram preponderância nos golos marcados. 

 

 

Ranking GAP (Golos, Assistências, Participação decisiva em golo):

ranking gap 100121.png

07
Jan21

Estatísticas da Liga 2020/21 (Jornada 12)


Pedro Azevedo

O Sporting aumentou em 2 pontos a vantagem para o 2º colocado no campeonato. É também a equipa que menos golos sofre (8). Mantém o melhor marcador da competição (Pote). 

 

  1. Melhor rácio de CA p/ falta cometida: Paços (novo) - 10,1% (17º Sporting - 18,8%).
  2. Pior Rácio de CA p/ falta cometida: Famalicão - 21,6%. 
  3. Menos Faltas com. por jogo: Benfica - 13,6 Faltas (11º Sporting - 16,4 Faltas).
  4. Mais Faltas com. por jogo: Paços de Ferreira - 18,9 Faltas.
  5. Menos CA por jogo: Rio Ave - 1,5 (17º Sporting - 3,1).
  6. Mais CA por jogo: Famalicão - 3,3.
  7. Menos Golos Sofridos: Sporting - 8 golos. 
  8. Mais Golos Sofridos: Tondela - 23 golos.
  9. Mais Golos Marcados: Porto - 31 golos (2º Sporting - 28). 
  10. Menos Golos marcados: B SAD e Rio Ave - 6 golos.
  11. Menos Posse de bola: Farense - 42,9%.
  12. Mais Posse de bola: Porto - 60,0% (3º Sporting - 56,9%).
  13. O Sporting cometeu 197 faltas que se traduziram em 37 amarelos (rácio de 18,8%).
  14. Os jogadores do Sporting sofreram 229 faltas que deram 41 amarelos (17,9%).
  15. Tiago Tomás é o leão com mais faltas sofridas (29, 5º na Liga).   
  16. Pote (aproveitamento de 42,3%) é o mais rematador do Sporting (26 remates).
  17. Pote é o Goleador da Primeira Liga (11 golos).
  18. Maior sequência vitórias consecutivas: Braga (6, entre a Jornada 3 e a Jornada 8).
  19. Mais Posse Estéril: Rio Ave (54,9%, 6 golos, 99 minutos de posse para fazer 1 golo).
  20. O crescimento no item acumulado de Posse de Bola do Marítimo pós-Lito Vidigal (de 39,5% para 45,7%) parece ter tido correlação com a melhoria na classificação (de 17º para 8º).
  21. Há uma correlação entre a menor posse de bola da Liga (42,9%) e a classificação (18º) do Farense.
  22. No sentido inverso, o Paços tem o 3º pior registo de Posse de Bola mas está em 6º lugar na Liga.
  23. O Paços é a equipa que comete mais faltas (227), mas tem o 2º melhor registo de CA, eficiência que se pode explicar por a equipa raramente ser apanhada desequilibrada em transição (baixa posse de bola).
  24. O Sporting tem mais 1 falta cometida que o Porto e mais 13 cartões amarelos. 
  25. O Sporting tem mais 3 faltas cometidas que o Braga e mais 14 amarelos.
  26. Angel Gomez (Boavista) e Darwin (Benfica) lideram nas assistências (5). Nuno Santos (4) é o 3º conjuntamente com Gauld (Farense) e Grimaldo (Benfica).
  27. Corona (Porto) lidera nos cruzamentos (45). Porro (11º, 36) é o melhor do Sporting.estatísticas12.png
02
Jan21

Estatísticas da Liga 2020/21 (Jornada 11)


Pedro Azevedo

O Sporting continua a liderar isolado o campeonato. É também a equipa que menos golos sofre (8). Mantém o melhor marcador da competição (Pote). 

 

  1. Melhor rácio de CA p/ falta cometida: Braga (novo) - 10,7% (17º Sporting - 18,9%).
  2. Pior Rácio de CA p/ falta cometida: Famalicão - 20,3%. 
  3. Menos Faltas com. por jogo: Benfica - 13,5 Faltas (10º Sporting - 16,4 Faltas).
  4. Mais Faltas com. por jogo: Paços de Ferreira (novo) - 19,4 Faltas.
  5. Menos CA por jogo: Rio Ave - 1,6 (17º Sporting - 3,1).
  6. Mais CA por jogo: Famalicão - 3,2.
  7. Menos Golos Sofridos: Sporting - 8 golos. 
  8. Mais Golos Sofridos: Tondela - 23 golos.
  9. Mais Golos Marcados: Porto - 28 golos. 
  10. Menos Golos marcados: B SAD e Rio Ave - 6 golos.
  11. Menos Posse de bola: Farense (novo) - 43,5%.
  12. Mais Posse de bola: Porto (novo) - 60,3% (3º Sporting - 57,2%).
  13. O Sporting cometeu 180 faltas que se traduziram em 34 amarelos (rácio de 18,9%).
  14. Os jogadores do Sporting sofreram 212 faltas que deram 37 amarelos (17,5%).
  15. Porro e Tiago Tomás (26) são os leões que sofrem mais faltas.   
  16. Pote (aproveitamento de 40%) é o mais rematador do Sporting (25 remates).
  17. Pote é o Goleador da Primeira Liga (10 golos).
  18. Maior sequência vitórias consecutivas: Braga (6, entre a Jornada 3 e a Jornada 8).
  19. Mais Posse Estéril: Rio Ave (54,5%, 6 golos, 90 minutos de posse para fazer 1 golo).
  20. O crescimento no item acumulado de Posse de Bola do Marítimo pós-Lito Vidigal (de 39,5% para 44,5%) parece ter tido correlação com a melhoria na classificação (de 17º para 10º).
  21. O Paços tem o 3º pior registo de Posse de Bola, mas está em 6º lugar na Liga.
  22. O Paços é a equipa que comete mais faltas (213), mas tem o 5º melhor registo de CA, eficiência que se pode explicar por a equipa raramente ser apanhada desequilibrada em transição (baixa posse de bola).
  23. O Sporting tem menos 1 falta cometidas que o Porto e mais 12 cartões amarelos. 
  24. Para ter atenção hoje, visto defrontarem-se: o Sporting tem apenas mais 3 faltas cometidas que o Braga e mais 15 amarelos.
  25. Angel Gomez (Boavista) e Darwin (Benfica) lideram nas assistências (5). Nuno Santos (4) é o 3º conjuntamente com Gauld (Farense) e Grimaldo (Benfica).
  26. Quaresma (Vitória SC) lidera nos cruzamentos (41). Porro (12º, 31) é o melhor do Sporting.

estatísticas11.png

02
Jan21

Ranking GAP


Pedro Azevedo

Nesta temporada de 2020/2021, o Sporting disputou até agora 16 jogos - 11 para o Campeonato Nacional, 2 para a Liga Europa, 2 para a Taça de Portugal e 1 para a Taça da Liga -, obtendo 13 vitórias (81,25%), 2 empates (12,5%) e 1 derrota (6,25%), com 40 golos marcados (média de 2,5 golos/jogo) e 13 golos sofridos (0,81 golos/jogo).

 

A nível individual, eis os resultados (estatísticas ofensivas):

 

1) Ranking GAP (medalheiro): Pedro Gonçalves (10,1,3), TT (5,1,2), N. Santos (4,8,0);

2) MVP: Pedro Gonçalves (35 pontos), Nuno Santos (28), TT e Sporar (19); 

3) Influência: Pedro Gonçalves (14 contribuições), N. Santos (12), Sporar (10);

4) Goleador: Pedro Gonçalves (10 golos), TT (5), Nuno Santos e Sporar (4);

5) Assistências: Nuno Santos (8), Tabata, Porro, Vietto, Feddal, M. Nunes, J. Mário e Jovane (2).

 

Fazendo uma análise por sectores em termos de pontos MVP (golo=3; assistência=2; participação=1), teremos:

 

Pontas de Lança (total=51): Sporar (19), TT (19), Vietto (7), Pedro Marques (6)

(nota: TT também jogou como interior)

 

Interiores (total=88): Pote (35), Nuno Santos (28), Jovane (13), Tabata (12)

(nota: Jovane também jogou como ponta de lança)

 

Médios Centro (total=17): João Mário (7), Matheus Nunes (4), Palhinha (3), Bragança (3)

 

Laterais/Alas (total=20): Porro (12), Nuno Mendes (6), Plata (2)

 

Centrais (total=18): Coates (10), Feddal (5), Gonçalo Inácio (3)

 

Guarda-redes (total=2): Adán (2)

 

Conclusões:

  • A posição de Interior é a que mais contribui em acções de golo;
  • Os nossos Médios Centro têm menos preponderância nos golos que os Laterais/Alas e os Defesas Centrais, o que pode indicar que RA vê-os mais como um factor de equilíbrio defensivo, sendo os desequilíbrios ofensivos mormente produto da circulação em "U";
  • Ordem de importância no golo: Interiores, Ponta de Lança, Laterais/alas, Centrais, Médios Centro, Guarda-redes;
  • Um total de 19 jogadores já contribuiu para os golos leoninos.

 

 

Ranking GAP (Golos, Assistências, Participação decisiva em golo):

ranking gap 02012021.png

pote.jpg

26
Dez20

Estatísticas da Liga 2020/21 (Jornada 10)


Pedro Azevedo

O Sporting continua a liderar isolado o campeonato. Porém, deixou de liderar o ranking de maior número de golos marcados (ultrapassado pelo Porto). Por outro lado, recuperou a liderança no ranking de menos golos sofridos (7), ainda que tendo a companhia de Vitória SC e B SAD (próximo adversário). Por fim, tem o melhor marcador da competição (Pote). 

 

  1. Melhor rácio de CA p/ falta cometida: Paços - 9,0% (17º Sporting - 18,9%).
  2. Pior Rácio de CA p/ falta cometida: Famalicão - 21,4%. 
  3. Menos Faltas com. por jogo: Benfica - 13,1 Faltas (10º Sporting - 16,4 Faltas).
  4. Mais Faltas com. por jogo: Portimonense (novo) - 18,9 Faltas.
  5. Menos CA por jogo: Rio Ave - 1,5 (17º Sporting - 3,1).
  6. Mais CA por jogo: Famalicão - 3,4.
  7. Menos Golos Sofridos: B SAD, Vitória SC (novo) e Sporting (novo) - 7 golos. 
  8. Mais Golos Sofridos: Tondela - 21 golos.
  9. Mais Golos Marcados: Porto - 25 golos. 
  10. Menos Golos marcados: B SAD e Rio Ave - 5 golos.
  11. Menos Posse de bola: Paços de Ferreira - 43,2%.
  12. Mais Posse de bola: Benfica (novo) - 61,0% (3º Sporting - 57,2%).
  13. O Sporting cometeu 166 faltas que se traduziram em 31 amarelos (rácio de 18,7%).
  14. Os jogadores do Sporting sofreram 185 faltas que deram 33 amarelos (17,8%).
  15. Tiago Tomás e Porro (23) e Matheus (20) são os leões que sofreram mais faltas.   
  16. Pote (aproveitamento de 40%) é o mais rematador do Sporting (25 remates).
  17. Pote é o Goleador da Primeira Liga (10 golos).
  18. Maior sequência vitórias consecutivas: Braga (6, entre a Jornada 3 e a Jornada 8).
  19. Mais Posse Estéril: Rio Ave (55,2%, 5 golos, 99 minutos de posse para fazer 1 golo).
  20. O Paços tem o pior registo de Posse de Bola, mas está em 6º lugar na Liga.
  21. O Paços é a 2ª equipa que comete mais faltas (188), mas tem o 2º melhor registo de CA, eficiência que se pode explicar por a equipa raramente ser apanhada desequilibrada em transição (baixa posse de bola).
  22. O Sporting tem menos 7 faltas cometidas que o Porto e mais 10 cartões amarelos. 
  23. Angel Gomez (Boavista) e Darwin (Benfica) lideram nas assistências (5). Nuno Santos (4) é o 3º conjuntamente com Gauld (Farense) e Grimaldo (Benfica).
  24. Quaresma (Vitória SC) lidera nos cruzamentos (38). Porro (11º, 29) é o melhor do Sporting.

estatísticas10.png

 

16
Dez20

Ranking GAP


Pedro Azevedo

Nesta temporada de 2020/2021, o Sporting disputou até agora 14 jogos - 9 para o Campeonato Nacional, 2 para a Liga Europa, 2 para a Taça de Portugal e 1 para a Taça da Liga -, obtendo 11 vitórias (78,6%), 2 empates (14,3%) e 1 derrota (7,1%), com 37 golos marcados (média de 2,64 golos/jogo) e 12 golos sofridos (0,86 golos/jogo).

 

A nível individual, eis os resultados (estatísticas ofensivas):

 

1) Ranking GAP (medalheiro): Pedro Gonçalves (10,1,3), N. Santos (4,8,0), TT (4,1,1);

2) MVP: Pedro Gonçalves (35 pontos), Nuno Santos (28), Sporar (16); 

3) Influência: Pedro Gonçalves (14 contribuições), N. Santos (12), Sporar (9 contribuições);

4) Goleador: Pedro Gonçalves (10 golos), Nuno Santos e TT (4);

5) Assistências: Nuno Santos (8), Porro, Vietto, Feddal, M. Nunes, J. Mário e Jovane (2).

 

Hoje vamos fazer uma análise por sectores em termos de pontos MVP (golo=3; assistência=2; participação=1):

 

Pontas de Lança (total=42): Sporar (16),  Jovane (13), Vietto (7), Pedro Marques (6)

(nota: Jovane circunstancialmente jogou na sua posição natural de interior)

 

Interiores (total=87): Pote (35), Nuno Santos (28), Tiago Tomás (15), Tabata (9)

(nota: TT circustancialmente jogou na sua posição natural de ponta de lança)

 

Médios Centro (total=14): Matheus Nunes (4), João Mário (4), Palhinha (3), Bragança (3)

 

Laterais/Alas (total=20): Porro (12), Nuno Mendes (6), Plata (2)

 

Centrais (total=17): Coates (10), Feddal (4), Gonçalo Inácio (3)

 

Guarda-redes (total=2): Adán (2)

 

Conclusões:

  • A posição de Interior é a que mais contribui em acções de golo (mais do dobro que a de Ponta de Lança);
  • Os nossos Médios Centro têm menos preponderância nos golos que os Laterais/Alas e os Defesas Centrais, o que pode indicar que RA vê-os mais como um factor de equilíbrio defensivo, sendo os desequilíbrios ofensivos mormente produto da circulação em "U";
  • Ordem de importância no golo: Interiores, Ponta de Lança, Laterais/alas, Centrais, Médios Centro, Guarda-redes.

 

 

Ranking GAP (Golos, Assistências, Participação decisiva em golo):

ranking gap 16122020.png

09
Dez20

Estatísticas da Liga 2020/21 (Jornada 9)


Pedro Azevedo

O Sporting continua a liderar isolado o campeonato. Para além disso, lidera também no ranking de maior número de golos marcados (em igualdade com o Porto). Por fim, tem ainda o melhor marcador da competição (Pote). 

 

  1. Melhor rácio de CA p/ falta cometida: Paços - 9,1% (16º Sporting - 19,4%)
  2. Pior Rácio de CA p/ falta cometida: Famalicão - 21,8% 
  3. Menos Faltas com. por jogo: Benfica - 13,7 Faltas (11º Sporting - 16,0 Faltas)
  4. Mais Faltas com. por jogo: Paços de Ferreira - 19,4 Faltas
  5. Menos CA por jogo: Rio Ave - 1,7 (17º Sporting - 3,1)
  6. Mais CA por jogo: Famalicão - 3,4
  7. Menos Golos Sofridos: B SAD - 6 golos (2º Sporting - 7 golos)
  8. Mais Golos Sofridos: Tondela - 21 golos
  9. Mais Golos Marcados: Sporting e Porto (novo) - 23 golos 
  10. Menos Golos marcados: B SAD e Rio Ave (novo) - 5 golos
  11. Menos Posse de bola: Marítimo - 41,9%
  12. Mais Posse de bola: Porto (novo) - 60,6% (3º Sporting - 56,3%)
  13. O Sporting cometeu 146 faltas que se traduziram em 28 amarelos (rácio de 19,2%)
  14. Os jogadores do Sporting sofreram 161 faltas que deram 28 amarelos (17,4%)
  15. Tiago Tomás (20), Matheus e Porro (19) são os leões que sofreram mais faltas   
  16. Pote (aproveitamento de 43,5%) é o mais rematador do Sporting (23 remates)
  17. Pote é o Goleador da Primeira Liga (10 golos)
  18. Maior sequência vitórias consecutivas: Braga (6, entre a Jornada 3 e a Jornada 8)
  19. Mais Posse Estéril: Rio Ave (55,2%, 5 golos, 89 minutos de posse para fazer 1 golo)
  20. O Paços tem o 2º pior registo de Posse de Bola, mas está em 6º lugar na Liga
  21. O Paços é a equipa que comete mais faltas (175), mas tem o 2º melhor registo de CA, eficiência que se pode explicar por a equipa raramente ser apanhada desequilibrada em transição (baixa posse de bola)
  22. O Sporting tem menos 13 faltas cometidas que o Porto e mais 7 cartões amarelos 

estatísticas9.png

02
Dez20

Estatísticas da Liga 2020/21 (Jornada 8)


Pedro Azevedo

O Sporting continua a liderar isolado o campeonato. Para além disso, lidera também nos rankings de maior número de golos marcados e de menor número de golos sofridos. Por fim, tem ainda o melhor marcador da competição (Pote). 

 

  1. Melhor rácio de CA p/ falta cometida: Paços - 8,3% (16º Sporting - 18,7%)
  2. Pior Rácio de CA p/ falta cometida: Famalicão (novo) - 20,5% 
  3. Menos Faltas com. por jogo: Benfica - 12,8 Faltas (9º Sporting - 15,4 Faltas)
  4. Mais Faltas com. por jogo: Paços de Ferreira (novo) - 19,5 Faltas
  5. Menos CA por jogo: Paços e Rio Ave (novo) - 1,6 (15º Sporting - 2,9)
  6. Mais CA por jogo: Famalicão (novo) - 3,1
  7. Menos Golos Sofridos: Sporting e B SAD (novo) - 5 golos 
  8. Mais Golos Sofridos: Tondela - 17 golos
  9. Mais Golos Marcados: Sporting - 21 golos 
  10. Menos Golos marcados: B SAD - 3 golos
  11. Menos Posse de bola: Marítimo - 39,5%
  12. Mais Posse de bola: Benfica (novo) - 60,1% (3º Sporting - 55%)
  13. O Sporting cometeu 123 faltas que se traduziram em 23 amarelos (rácio de 18,7%)
  14. Os jogadores do Sporting sofreram 141 faltas que deram 22 amarelos (15,6%)
  15. Matheus (19) e TT (16) sofreram 24,8% do total de faltas cometidas sobre os leões
  16. Matheus é o 12º jogador da Liga que sofre mais faltas  
  17. Pote (aproveitamento de 42,9%) é o mais rematador do Sporting (21 remates)
  18. Pote é o Goleador da Primeira Liga (9 golos)
  19. Maior sequência vitórias consecutivas: Braga (6)

estatísticas8.png

03
Nov20

Estatísticas da Liga 2020/21 (Jornada 6)


Pedro Azevedo

Olhando para o rácio de cartões amarelos por falta cometida, o Sporting mantém uma percentagem relativa elevadíssima face à concorrência. Mesmo analisando apenas pelo valor absoluto, temos de convir que uma média de cerca de 1 amarelo por cada 4 faltas é um absurdo. Uma anomalia estatística, e não um comportamento anormal em campo. Mais curioso ainda é verificar que sendo a 6ª equipa menos faltosa, o Sporting é quem tem mais cartões amarelos (21).

 

  1. Melhor rácio de CA p/ falta cometida: Paços - 8,3% (18º Sporting - 23,9%)
  2. Pior Rácio de CA p/ falta cometida: Sporting - 23,9% 
  3. Menos Faltas com. por jogo: Benfica - 13,3 Faltas (6º Sporting - 14,7 Faltas)
  4. Mais Faltas com. por jogo: Boavista - 22 Faltas
  5. Menos CA por jogo: Paços - 1,5 (18º Sporting - 3,5)
  6. Mais CA por jogo: Sporting (novo) - 3,5
  7. Menos Golos Sofridos: Vitória SC - 3 golos (2º Sporting - 4 golos)
  8. Mais Golos Sofridos: Tondela (novo) - 15 golos
  9. Mais Golos Marcados: Benfica, Sporting (novo) e Porto (novo) - 15 golos 
  10. Menos Golos marcados: B SAD - 3 golos
  11. Menos Posse de bola: Marítimo - 39,8%
  12. Mais Posse de bola: Porto (novo) - 59,2% (3º Sporting - 56,2%)
  13. O Sporting cometeu 88 faltas que se traduziram em 21 amarelos (rácio de 23,9%)
  14. Os jogadores do Sporting sofreram 112 faltas que deram 17 amarelos (15,2%)
  15. Matheus (17) e TT (15) sofreram 28,6% do total de faltas cometidas sobre os leões
  16. Não há nenhum jogador do Sporting no Top 20 dos mais faltosos da Liga 
  17. Pote (aproveitamento de 35,7%) e Porro são os mais rematadores do SCP (14 remates)
  18. Nuno Santos é o 3º melhor do campeonato em assistências (3)
  19. Pote é o 2º melhor marcador da Primeira Liga (5 golos)

estatísticas6.png

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

Castigo Máximo

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

Siga-nos no Facebook

Castigo Máximo

Comentários recentes

  • Pedro Azevedo

    Nada disso, caro Sebastião, tenho tido é pouco tem...

  • Anónimo

    Caro Pedro,já tinha saudades das suas crónicas!......

  • Pedro Azevedo

    Os meus agradecimentos pela nota que nos deixa. E ...

  • Pedro Azevedo

    Sporar, TT e Pote, em casa; Coates, em Barcelos. S...

  • HY

    Vou confessar uma coisa: foram tantos os jogos em ...