Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Castigo Máximo

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

Castigo Máximo

30
Jan19

Parabéns Paulinho!!!


Pedro Azevedo

Há 33 anos connosco, Paulo Gama ("Paulinho") perfaz hoje meio-século de existência. Roupeiro do Sporting, Paulinho é uma daquelas pessoas que só faz bem ao futebol, reunindo o consenso de todos quantos com ele se cruzam. Espero, por isso, que tenhamos o prazer de o continuar a ver entre nós por muitos e muitos anos.

Dois terços de uma vida dedicada ao clube! Parabéns!!!

paulinho.jpeg

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

Castigo Máximo

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

Siga-nos no Facebook

Castigo Máximo

Comentários recentes

  • Pedro Azevedo

    11 contra 11 o Braga ganhava 3-1 e já tinha enviad...

  • JG

    Grandes 30 minutos do Braga a confirmar um futuro ...

  • Pedro Azevedo

    Muito bonito o que escreveu, caro Miguel. Um abraç...

  • Pedro Azevedo

    Caro Luís, como diz o Miguel aqui em baixo, temos ...

  • Pedro Azevedo

    Caro Luís António Ferro. fico sempre emocionado a ...