Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Castigo Máximo

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

Castigo Máximo

08
Fev19

Bruno Fernandes em números


Pedro Azevedo

No ano passado, Bruno Fernandes marcou por 16 vezes (record de carreira) , produziu 18 assistências e teve uma contribuição importante em outros 19 golos, participando assim efectivamente em 53 golos (49,1% do total da equipa). Este ano, com pouco mais do que metade da época decorrida, Bruno leva 18 finalizações (novo record de carreira), 9 assistências e 12 contribuições relevantes em golos, num total de 39 participações (52%) nos golos da sua equipa. (Equivalente aos números conjugados de Bas Dost e de Nani.)

 

Considerando apenas a contribuição directa (golos e assistências), Bruno Fernandes participou nestas 2 épocas em 61 dos 183 golos obtidos pelos leões, ou seja, um terço do total, o que faz dele um pouco mais do que um meio-Eusébio (989 golos+assistências para um total de 1620 golos, 61%, em 15 épocas de Benfica).

 

Uma outra comparação que se pode fazer destas 2 épocas de Bruno Fernandes é com os dados de carreira (como jogador) de Zinedine Zidane. Zizou tem, respectivamente, uma média de 19,8% e de 19,6% golos e assistências por jogo. Mesmo considerando a sua passagem pelo Real Madrid, a mais prolífica da sua carreira, nesse período o francês apresenta, respectivamente, uma média de 21,5% e de 29% golos e assistências por jogo. Já Bruno Fernandes, neste seu trajecto no Sporting, tem uma média de golos/jogo de 37,3% e uma média de assistências/jogo de 29,6%, números individualmente (golos ou assistências) e globalmente (golos+assistências) superiores aos do melhor período de Zidane. Esclarecidos? Numa palavra (para um médio): esmagador! Com tanta propaganda, legítima aliás, lá para aquelas bandas, até dá vontade de ir ao outro lado da Segunda Circular perguntar: Ó Evaristo, tens cá disto?

 

P.S. Já temos muito poucos jogadores de categoria-extra em Alvalade. Assim, talvez não fosse mal pensado deixarmos de atacar um dos poucos que tem uma actuação de acordo com a história e pergaminhos de uma instituição como o Sporting Clube de Portugal. É que a Cultura de um clube não se mede só pelo julgamento sobre quem, no passado, esteve à beira de nos abandonar. A grandeza deste clube exige também uma Cultura meritocrática, que valorize os jogadores com um rendimento elevado, sob pena de acabarmos a premiar a mediocridade. Adicionalmente, e tão próprio do clube em que o Sporting se tornou, com todos os problemas que temos no plantel ainda pomos em causa as poucas soluções. É o que se me ocorre dizer quando leio e oiço adeptos a manifestarem-se no sentido de que Bruno falha muitos passes e não é relevante nos jogos "grandes" (esta semana viu-se e em dose dupla...), fantasiando assim novos problemas. Se falha é porque arrisca, porque vê o que outros não enxergam. E também acerta (e muito), pois a matemática ainda é uma ciência exacta, não é verdade? É só um pensamento, mas depois não se queixem se os bons jogadores estiverem um bocadinho fartos de adeptos como nós (as críticas para com o Acuña são outra coisa que me deixa "doente")...

 

P.S.2 Os números da Transfermarket ainda contabilizam mais 3 assistências de Bruno Fernandes do que aquelas que eu considerei neste estudo (pessoal). Os indicadores referentes a Zidane estão disponíveis e acessíveis para qualquer pessoa no Transfermarket. 

brunofernandesrioave.jpg

7 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Castigo Máximo

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

Siga-nos no Facebook

Castigo Máximo

Comentários recentes

  • Pedro Azevedo

    Caro José, tive uns vizinhos cuja box era mais ráp...

  • José da Xã

    Pedro,há uns anos naquela meia final de boa memóri...

  • Pedro Azevedo

    Boa tarde, meu caro.Em primeiro lugar, queira desc...

  • Pedro Azevedo

    Caro Sebastião, antes de mais as minhas desculpas ...

  • Pedro Azevedo

    Caro AJSSB, em primeiro lugar, queira aceitar as m...